sábado, 3 de janeiro de 2009

Praia

É o silencio absoluto que guarda o oceano
tudo é água..
o que é mais importante agora ??
um lugar sem luzes de cidade
acendidas as luzes das estrelas
onde esta tudo aquilo ??
o que tanto atormenta?
o que somos nós então??
tão pouco..
brigando por nada
e a vida escorrendo pelas mãos
jogando no mar pedras sujas de diamante
estamos jogando tudo fora..
uma a uma, momento a momento
instante a instante..
e antes que seja tarde demais
corro pra te dizer
que não vou deixar tudo ir embora assim tão fácil
vendo o que quero se afastando no oceano..
e se preciso nadarei muitas léguas..
só pra te dizer, aquilo que eu sei e vc sabe!
só de olhar pra cima e sentir o vento..
só de olhar pra dentro..
e não mais iremos contra toda á lógica
que nós alimenta e faz acreditar
que abre os olhos e faz enxergar,
fui o cego que não quis abrir os olhos
joguei meus diamantes no mar
mas ainda tenho uma última pedrinha na mão
não perdi toda razão
e te peço uma última vez para que me escute com atenção..


3 comentários:

Gabriela Domiciano disse...

numa palavra: lindo!!!
acho q a gente tem q fazer isso msm, ir atrás do que quer enquanto é possível!!!!

=)

=*

Péricles Carvalho disse...

eu sempre guardo coisas que escrevo, hehe - de vez em quando eu revisito cadernos nos quais sempre existe algum 'devaneio' escrito...

curti muito seu poema - o mar... os diamantes, a disposição em nadar para nao perder o que há de mais precioso... kra, lírico!

obs: de onde vc tira inspiração??!

Ricardo disse...

Brigaado gente, nem sei da onde..eu tento nao deixar eles parecidos d+, o que é difícil, um poema tende a se parecer com o outro..por isso é bom guardar o post as vezes, essa história de diamantes por exemplo por incrivel que pareça ouvi na igreja.. dois amigos encontram um saco de pedrinhas sujas .. ai eles vão conversando e jogando as pedrinhas no mar .. quando chega a última o cara olha e fala "nossa isso é um diamante" ou seja .. sem ele ver, só pq tava um poco sujo, ele jogou o que tinha de mais precioso fora, no mar onde nao tem como voltar e pegar, achei isso lindo
ai puis ai xD

Outro começo de noite

Outro começo de noite